Quando e como é apropriado abrir uma conta corrente de segundo condomínio?

A abertura de uma conta corrente do condomínio é obrigatória se houver um administrador. A abertura de uma segunda conta corrente é opcional, quando é apropriado?

Quando e como é apropriado abrir uma conta corrente de segundo condomínio?

Conta do condom√≠nio, obriga√ß√Ķes e m√©todos de uso

Artigo. 1129 c.c. requer que o administrador do condomínio ligue e use um conta corrente do condomínio, ou melhor, uma conta corrente para cada condomínio administrado e mais especificamente que este banco está em nome do condomínio.
Mais especificamente, o s√©timo par√°grafo do art. 1129 deixa claro que oadministrador do condom√≠nio √© obrigado a repassar as quantias recebidas de qualquer forma por cond√īminos ou terceiros, bem como aqueles por qualquer motivo, prestados em nome do condom√≠nio, em uma conta corrente espec√≠fica, postal ou banco, em nome do condom√≠nio.

Conta do condomínio


O administrador coleta as somas mensal de condòmini?
Ele será obrigado a pagá-los em conta corrente do condomínio.
Quanto tempo?
A lei não diz isso; de acordo com o escritor no menor tempo possível.
No entanto, as somas presentes no caixa não podem ser usadoDe fato, como especificado pela lei em questão, mesmo qualquer pagamento de valores em nome do condomínio deve passar pela conta corrente do condomínio acima mencionado.
Lembre-se: a possibilidade de n√£o ser eliminada por lei usar dinheiro, que talvez teria sido mais eficaz do que o sistema atual, que requer um tr√Ęnsito de cada soma da conta corrente do condom√≠nio. Mesmo se o administrador coletar hoje e j√° hoje ele poderia pagar um fornecedor em dinheiro? Sim, isso sugere a norma.
Importante: se o condom√≠nio n√£o tem administrador n√£o h√° obriga√ß√£o de abrir uma conta corrente, porque o uso de uma conta corrente de condom√≠nio √© uma obriga√ß√£o que a lei imp√Ķe ao agente n√£o aos condom√≠nios.

Obrigatório ter uma conta corrente, não dois

um conta corrente do condomínio para cada condomínio administrado ao condomínio específico. Uma conta ou até dois ou três?
A obrigação legal prevê a abertura de apenas um relatório de conta, os seguintes são opcionais e retornam à escolha do condomínio. O administrador do condomínio está em conformidade com a lei se abrir e usar uma conta corrente para cada condomínio.

Abertura da conta corrente do condomínio


Pode ser o caso, no entanto, que é mais apropriado entreter mais contas correntes no mesmo edifício.
Vamos pensar nos condom√≠nios com um goleiro e a oportunidade de manter de lado as quantias devidas como uma indeniza√ß√£o de indeniza√ß√£o (T.F.R.); melhor um conta corrente do condom√≠nio mais do que apenas um com o risco de confundir as a√ß√Ķes ordin√°rias e a provis√£o, vai min√°-lo involuntariamente.
Em seguida, há a hipótese de trabalhos extraordinários que, especialmente se de tamanho considerável, podem recomendar a realização de uma conta corrente de condomínio dedicada, pelos mesmos motivos indicados acima.
Depois, h√° o caso de condom√≠nios que, por regula√ß√£o, alocar periodicamente somas: este √© o chamado fundo de reserva que √© √ļtil para manter separado dos pagamentos ordin√°rios feitos periodicamente.
Em todos esses casos, √© oportuno, √© repetido, n√£o obrigat√≥rio (a menos que o regulamento preveja), a abertura de um segundo ou, devido a v√°rias quest√Ķes concorrentes (por exemplo, presen√ßa de portas e grandes reestrutura√ß√Ķes), at√© uma conta corrente de terceiro condom√≠nio. Quem decide o que?

Abertura da conta corrente do segundo condomínio, decidir a assembléia, o administrador ou o banco?

Descubra as hipóteses e a oportunidade de acender um segunda conta corrente de condomínio, é legítimo perguntar a si mesmo, porque se os condomínios não o fizerem ou o administrador for o banco a levantar neles a questão, quem tem o poder de tomar tal decisão.
A este respeito, √© √ļtil recordar que, de acordo com o Supremo Tribunal de Cassa√ß√£o, para o administrador do condom√≠nio n√£o √© poss√≠vel assinar contratos que comprometam o condom√≠nio, se n√£o for prevista uma resolu√ß√£o espec√≠fica da Assembleia Geral de Accionistas (Cass. 3 de abril de 2007 n. 8233).
Evidentemente, o contrato em conta corrente é um contrato obrigatório, isto é, um contrato que o diretor não assina com base em sua própria decisão independente, mas obtém a legitimidade para fazê-lo por uma lei específica. Isso certamente se aplica ao primeiro contrato, ou melhor, ao contrato de abertura do primeiro contrato. conta corrente do condomínio.
No entanto, mesmo em rela√ß√£o √† conta corrente do condom√≠nio, por assim dizer, vale a pena mencionar as institui√ß√Ķes de cr√©dito que exigem que o diretor, al√©m da decis√£o de nomea√ß√£o, tamb√©m o mandato para abrir a conta.
√Č por isso que provocativamente se pergunta se o banco deve decidir pela abertura da conta corrente do segundo condom√≠nio. Em qualquer caso, com rela√ß√£o a solicita√ß√Ķes similares de institui√ß√Ķes de cr√©dito, voc√™ poderia atuar perante o √Ārbitro Banc√°rio e Financeiro, mas n√£o h√° decis√Ķes sobre o assunto.

Execução de conta condicional


Dito isto, no que diz respeito à conta corrente do segundo condomínio, na opinião do escritor é preferível ter um Deliberação dos acionistas ad hoc, para evitar litígios do banco, como reduzir ao mínimo, embora para o escritor ainda são risíveis, a possibilidade de disputa pelo condòmini.

Execução hipotecária da conta corrente do condomínio, melhor diversificação

Embora não seja conveniente, seria melhor abrir a segunda conta corrente do condomínio em um instituição de crédito diferente do primeiro.
Motivo?
Como √© sabido pelos insiders, a jurisprud√™ncia no momento principal considera a lei leg√≠tima distraint da conta corrente do condom√≠nio. Os termos t√©cnicos, quando a execu√ß√£o de tal ato √© necess√°ria, n√£o exige a anexa√ß√£o de uma conta corrente, mas a anexa√ß√£o das reivindica√ß√Ķes do devedor ao terceiro anexado.
Se o condom√≠nio Alfa tiver duas contas correntes no banco Beta, o anexo, a menos que refer√™ncias espec√≠ficas a uma √ļnica conta (muito raro), diz respeito a toda a acumula√ß√£o de cr√©ditos.
Aqui, ent√£o, que o distraint da conta corrente do condom√≠nio est√° mais corretamente encerrando os cr√©ditos do condom√≠nio, tanto que estes est√£o em uma √ļnica conta corrente, de modo que contas correntes de condom√≠nio s√£o mais de um.
Portanto, duas institui√ß√Ķes de cr√©dito diferentes s√£o prefer√≠veis: comportamento prudente, em vez de regra obrigat√≥ria, √© bom ter isso em mente, j√° que com a busca telem√°tica de ativos (Artigo 492-bis do C√≥digo de Processo Civil) voc√™ √© capaz de conhecer todas as rela√ß√Ķes demonstra√ß√Ķes financeiras do devedor.



Vídeo: Como calcular o consumo elétrico em R$?