Design solid√°rio com o Salone

Dignity Design é um projeto internacional para aumentar o valor das mulheres artesãs tailandesas. Será apresentado em abril em Milão

Design solid√°rio com o Salone

Todo mundo gosta de design. √Č um prazer ter itens assinados pelos grandes designers de m√≥veis internacionais em casa, de Achille Castiglioni a Philippe Starck, de Alvar Aalto a Ettore Sottsass. Por qu√™? a criatividade deles / delas, o compromisso deles / delas, √© como se um pouco 'espalhou no ambiente do qual os acess√≥rios s√£o parte. E n√≥s tamb√©m sentimos as mesmas cordas desses grandes profissionais.

Travesseiros design Patrizia Scarzella

Mas o design também tem outro rosto: artes. Um rosto que, na era pós-industrial, está redescobrindo mais vivo do que nunca. E se a atenção para o artesanal vai além das fronteiras e se expande em todo o mundo, adquire ainda mais valor. Por ocasião de Salone del Mobile 2012, o artesanato internacional será um dos temas abordados, graças a um projeto dedicado afeito à mão.

Chama-se Cole√ß√£o de design de dignidade e √© uma iniciativa destinada a incentivar o trabalho de artes√£os que trabalham em comunidades rurais e urbanas Tail√Ęndia.

Uma ideia come√ßou de Funda√ß√£o Buon Pastore Onlus √Ę ‚ā¨ "organiza√ɬß√É ¬£ o internacional sem fins lucrativos engajados na frente social - desenvolvido em colabora√ß√£o com Funda√ß√£o Oak e Misean Cara, duas outras realidades que apoiam situa√ß√Ķes humanit√°rias de dificuldade em todo o mundo. Os protagonistas desta iniciativa s√£o um seleto grupo de designers italianos e tailandeses.

Gra√ßas √† supervis√£o de Patrizia Scarzella, arquiteta milanesa, e Valentina Downey, designer italiana e professora da Universidade de Bolonha, as meninas projetaram e criaram uma cole√ß√£o de acess√≥rios t√™xteis para a casa √Ę ‚ā¨ "mas tamb√É ¬© m joias artesanais e objetos de papel √Ę ‚ā¨" aproveitando ao m√°ximo sua criatividade e destreza. Os produtos foram criados dentro das instala√ß√Ķes administradas pelas Good Shepherd Sisters na Tail√Ęndia: de Bangkok a Nong Khai a Chiang Rai.

Algumas toalhas de mesa da coleção Dignity Design

Todas as cidades que, apesar de serem inclinadas pela pobreza e pela dificuldade econ√īmica, constituem um verdadeiro ponto de refer√™ncia para as tradi√ß√Ķes culturais do povo tailand√™s. Nessas √°reas, a associa√ß√£o religiosa construiu uma rede de centros onde trabalhadores e trabalhadores podem fazer produtos artesanais.

Mais de 600 pessoas s√£o empregadas, a maioria mulheres, que v√™m de situa√ß√Ķes pessoais e familiares de dificuldades e sofrimento. Design se torna um instrumento para melhorar a arte e o dom√≠nio de popula√ß√Ķes que, devido √†s dif√≠ceis condi√ß√Ķes econ√īmicas em que vivem, de outra forma n√£o teriam acesso ao mundo brilhante dos m√≥veis.

N√£o s√≥ isso: o design √© tamb√©m um portador de novos valores, √© enriquecido com um humanidade o que torna, talvez, um espelho de uma realidade mais completa e atual. Um ponto crucial nos objetivos do Dignity Design √© a import√Ęncia do trabalho das mulheres.

Gra√ßas a este projeto, a atividade do Artes√£os tailandeses √© valorizado como um instrumento de crescimento econ√īmico, um meio de manter as tradi√ß√Ķes artesanais e as especialidades locais, uma estrat√©gia para aprimorar produtos exclusivos e de qualidade. Todos os objetos da cole√ß√£o ser√£o distribu√≠dos internacionalmente.

O produto da venda desses produtos servir√° para estimular o desenvolvimento econ√īmico, mas tamb√©m para garantir um sal√°rio adequado aos artes√£os, fundamental para impulsionar um futuro justo e sustent√°vel. O Salone del Mobile, com sua configura√ß√£o de eventos colaterais envolvendo toda a cidade de Mil√£o, ser√° a oportunidade perfeita para batizar a cole√ß√£o na It√°lia.

Artesão tailandês no trabalho

Por quê? Somente no maior evento dedicado ao setor de mobiliário, as energias podem convergir para dar a visibilidade certa a um projeto que, por uma vez, não busca lucro, mas quer ajudar o mundo a desviar a atenção para atividades preciosas de fabricação que vivem e existem. em lugares extraordinários, mas muitas vezes infelizmente escondidos.

N√£o √© s√≥ o Belpaese que d√° as boas vindas ao Dignity Design. O projeto j√° passou por Nova York e, ap√≥s a apresenta√ß√£o na Europa, navegar√° para o leste para chegar √† Tail√Ęndia.

Para dar vida ao projeto Dignity Design Collection, há um equipa toda em rosa. Duas figuras-chave lidaram com a coordenação. Patrizia Scarzella, arquiteta, autora de livros sobre design e fundadora da associação D como Design, uma associação comprometida com a promoção e disseminação da criatividade do projeto para mulheres. Valentina Downey, uma designer de Parma, ensina Gestão de Design na Universidade de Bolonha. Juntamente com eles, outras nove mulheres, artistas e designers entraram nesta aventura. Somente um componente feminino tão forte poderia ter a sensibilidade necessária para não se limitar a participar do Dignity Design, mas, para fazê-lo corretamente, internalizá-lo.

Para informação:

Fundação Bom Pastor

Fundação Oak

D como Design



Vídeo: VT - TREINE MAIS