Centro comercial em Hong Kong

Inaugurado em Hong Kong, o shopping K11, que escolhe a arte como um fio comum entre as grandes marcas orientais e internacionais de moda, design e gastronomia.

Centro comercial em Hong Kong

Hong Kong_ K11 exterior.

Inaugurado em dezembro de 2009 ad Hong Kong, no coração do bairro Tsim Sha Tsui, K11 começa a se tornar o primeiro shopping center no mundo para conectar três elementos fundamentais: oarte, o pessoas, o natureza. Foi construído em uma área definida por muitos como uma espécie de Soho Chineses, já ricos do ponto de vista cultural, devido à presença de vários museus: oMuseu de Artes de Hong Kong, oHong Centro Cultural de Kong e oMuseu de História de Hong Kong.
67 andares de butiques e showrooms que abrigam produtos do setor moda, do projeto e do comida. A ideia por tr√°s deste projeto √© acompanhar o p√ļblico durante sua jornada durante as compras ou refei√ß√Ķes, fazendo com que eles encontrem obras de artistas estabelecidos ou emergentes. At√© mesmo a comida servida ser√° preparada por chefs baseados em receitas de escolas internacionais ou culin√°ria chinesa, enquanto, em homenagem √† natureza, Pra√ßa da Clarab√≥ia vai hospedar um verdadeiro o√°sis de jardim europeu sob uma cobertura transparente.

Hong Kong_ K11. A estrutura raiz


Outros espa√ßos dedicados √† arte ser√£o obtidos em outras √°reas do K11, com esculturas permanentes, pinturas, instala√ß√Ķes multim√≠dia, para testemunhar a vontade deste centro de apresentar arte como uma parte integral da vida de cada um de n√≥s, n√£o mais do que mero exerc√≠cio intelectual para alguns entusiastas.
A intenção deste edifício, projetado por Dennis Lau e Ng Chun Man Arquitetos e Engenheiros, é também transformar com a sua presença o horizonte de Hong Kong. Além de espaços comerciais, o arranha-céu abriga Hote do Hyattl a 5 estrelas e 345 apartamentos de luxo em 37 andares. Espaços comerciais para mais 31.500 metros quadrados que hospeda mais de 100 marcas internacionais, 20 refresco pontos, várias lojas próprias, o Praça da Clarabóia e o Torre Gourmet.

Hong Kong_ K11. Inside.

K11 pertence ao grupo chinês Grupo de Desenvolvimento do Novo Mundo, que após 30 anos de atividade, listada na Bolsa de Valores de Hong Kong, diversificou suas atividades em 4 setores: infra-estrutura, bens imóveis, serviço e loja de departamentos. Atualmente, está entre os maiores gerentes, bem como proprietários de shopping centers na China e em Hong Kong.
Quanto à aventura K11 em particular, a intenção do proprietário, Adrian Cheng, foi para dar visibilidade não só às marcas conhecidas internacionalmente, mas para privilegiar todos estilo de vida particular, que leva em conta moda e acessóriosmas também projeto, móveis, têxteis e tudo o que pode testemunhar e promover na China oestilo de vida internacional, com um olho particular para o Feito na Itália.

Hong Kong_ K11. Clarabóia quadrado à noite.

Em segundo lugar, mas n√£o menos importante, real√ßar talentos emergentes de Hong Kong, tentando encontrar recursos atrav√©s da prepara√ß√£o de eventos culturais, para apoiar escolas de arte e pequenos est√ļdios de artistas na √°rea. K11 deve, portanto, ser visto como elemento de uni√£o para todas as realidades culturais do distrito.

wikipedia.org/wiki/K11_(skyscraper)



Vídeo: THE CHEAPEST SHOPPING EVER IN HONG KONG !! -Sham Shu Po Tour