Aluguel de estudantes fora do local: as novas dedu√ß√Ķes fiscais de 2019

Com o decreto de 2019 aprovado pelo Senado, novos recursos foram introduzidos nas dedu√ß√Ķes de 19% das taxas de aluguel para estudantes de fora da cidade.

Aluguel de estudantes fora do local: as novas dedu√ß√Ķes fiscais de 2019

B√īnus fiscal para alugu√©is de estudantes fora do local

O novo legisla√ß√£o tribut√°ria, aprovado ontem pelo Senado, permitir√° um maior n√ļmero de estudantes que frequentam cursos universit√°rios fora do local, para poder beneficiar do dedu√ß√£o fiscal o 19% Irpef at√© √† data esperado. De facto, o p√ļblico-alvo dos contribuintes que actualmente beneficiam da dedu√ß√£o fiscal de 19% prevista para eles √© alargado rendas qualquer arrendamentos conclu√≠do nos locais onde a Universidade est√° localizada.
Vamos ver o situação atual. O desconto fiscal de 19% do Irpef deve-se a dois requisitos:
- entre o Munic√≠pio de resid√™ncia da fam√≠lia e o Munic√≠pio onde a universidade est√° localizada deve haver pelo menos uma dist√Ęncia 100 km;
- a casa alugada pelo aluno deve estar em um província diferente daquela da residência da unidade familiar.
Qual é a extensão coberta pelo decreto tributário? Como a legislação muda?
N√≥s tentamos esclarecer. Na pr√°tica, as regras de resid√™ncia e dist√Ęncia s√£o modificadas.

Dedução de aluguéis de estudantes fora do local


A dedução de 19% da renda pode ser solicitada pelos estudantes universitários fora de casa mesmo quando oimóvel arrendado está localizado no mesma província de residência de família.
O benef√≠cio √© estendido √†queles estudantes que vivem em grandes prov√≠ncias cujos munic√≠pios s√£o freq√ľentemente distantes uns dos outros. A exig√™ncia da dist√Ęncia j√° prevista de pelo menos 100km entre o Munic√≠pio da universidade e o local de resid√™ncia permanece.
Em conclus√£o, se entre o Munic√≠pio da Universidade e o Munic√≠pio de resid√™ncia houver uma dist√Ęncia de pelo menos 100 Km, a casa alugada tamb√©m poder√° estar localizada na mesma prov√≠ncia onde se localiza a resid√™ncia da fam√≠lia.
outro not√≠cia foi fornecido para o benef√≠cio dos alunos que vivem em mais √°reas desfavorecidos do ponto de vista dos transportes, ou nas zonas de montanha, para as quais a dedu√ß√£o pode ser concedida mesmo no caso de uma dist√Ęncia menor, desde que 50 km.
Por favor, note que o acima é uma medida que está sendo testada para a duração de 2 anos (período de tributação 2017 e 2018), com possibilidade de prorrogação; não pode ser excluído que é feito final.
Nenhuma variação é encontrada no montantes dedutíveis e à quantidade de reembolsos na declaração de renda. A dedução continua a ser aplicada em um máximo de despesa anual igual a 2.633 euros com desconto de imposto máximo de 500 euros.



Vídeo: Quer reabilitar uma casa? Conheça os benefícios fiscais em 2018.