Registro contábil do condomínio antes e depois da reforma

O cadastro de contabilidade condominial é uma das mudanças introduzidas pela reforma e permite, se mantido adequadamente, conhecer o estado atualizado das contas.

Registro contábil do condomínio antes e depois da reforma

Contabilità di condominio

L 'administrador do condomínio é obrigado a cobrar as contribuições e a pagar os custos de manutenção ordinária e extraordinária e de usufruto de serviços no interesse comum.
No final deano de gestão, como havia feito no início com a estimativa e a divisão relativa, o administrador, como qualquer representante como deve ser considerado, deve apresentar a declaração final e o plano de distribuição à assembléia.
Resumindo: no começo do ano o agente, por meio da estimativa, comunica à equipe qual é o custo para a administração.
No final do ano o mesmo representante legal reporta aos condomínios as despesas incorridas de acordo com a estimativa, as extraordinárias etc.

Para contabilidade de condomínio o que acontece durante o ano?

Um condomínio, durante o ano, pode saber o que otendência contábil do condomínio?
Os condomínios, é bom lembrar, são os diretores do administrador, ou seja, as pessoas que delegam a gestão de algo de propriedade deles, as partes comuns; mesmo diante dessa situação, os coproprietários podem sempre exercer o direito de ter informações sobre o desempenho contábil da estrutura.
A situação mudou consideravelmente com a entrada em vigor do chamado reforma do condomínio.
vemos porquê.

Contabilidade do condomínio antes da reforma

Quem queria saber disso estado das contas antes da entrada em vigor da lei n. 220/2012 teve que fazer um pedido ao administrador.

Contabilità condominiale

Nós falamos, é claro, daqueles casos em que Não bastava ir ao escritório do seu representante para ver os jornais.
Bem de acordo com o Supremo Tribunal, que no silêncio da lei representava a única fonte a procurar saber o que fazer, o poder de obter do administrador do condomínio a exposição de documentos contábeis repousa com os condomínios não só durante o relatório anual e a aprovação do orçamento pela assembléia de acionistas, mas também fora desse escritório, sem a necessidade de especificar a razão pela qual eles pretendem examinar ou extrair uma cópia dos mesmos documentos, desde que o exercício de tal poder não obstrua a atividade administrativa, não é contrária aos princípios de correção e os custos relativos são assumidos pelos condomínios instantâneas (Bem Cass. 20 de novembro de 2001 n. 15159).
em resumo se ele não pudesse fazer isso pelas ruas curtas, o condomino poderia escrever para o administrador e dizer (cauteloso): Mostre-me os registros do condomínio para entender a situação contábil.
Na verdade no silêncio da leiDurante o ano, o administrador não tinha obrigação de anotar entradas e saídas.
Foi o suficiente coloque as cartas de lado e, em seguida, desenhe a soma no final do ano.
A situação, dizia-se, mudou em um sentido mais favorável aos condomínios graças à reforma.

Contabilidade do condomínio após a entrada em vigor da reforma

transparência ao longo do ano: isto é, se queremos resumir, a mensagem expressa pelo legislador com as novas regras.
De acordo comart. 1130 n. 7 c.cna verdade, o administrador deve manter um registro contábil no qual eles devem ser registrados em ordem cronológica, no prazo de trinta dias a partir da execução, os movimentos individuais dentro e fora.
Este registro também pode ser realizado de forma informatizada
.
o cadastro deve sempre ser consultado por condomínios que necessitam de informações sobre a gestão do condomínio, nos dias, no local e nos horários indicados pelo representante no momento do engajamento; desse registro, os condomínios podem ter uma cópia a seu custo (artigo 1130, segundo parágrafo, c.c.).
o registro contábilportanto, é que documento que serve para permitir maior transparência dentro da gestão do condomínio e a velocidade de atualização exigida (mensal) também permite uma avaliação sempre atualizada dos ativos do condomínio.
Não há registros carimbados ou pilhas de documentos: o registro pode ser mantido em segundo lugar modos de computador.
Em suma, um planilha eletrônico é mais que suficiente.
Em apoio de o que acaba de ser dito é bom lembrar que, de acordo comart. 1130 n.9 c.c. o administrador deve fornecer o condomínio solicitar comprovante de status de pagamento de despesas de condomínio e qualquer litígio em andamento.
Desta forma, todos ele sempre pode saber não apenas o que é o estado das contas, mas também um resumo dos pagamentos para entender se há para quem são cobrados atrasos.



Vídeo: As responsabilidades de quem terceiriza e de quem presta o serviço