Cidades novas

O Presidente do Conselho, em relação à reconstrução em Abruzzo, relançou a ideia das Novas Cidades.

Cidades novas

Falando sobre o reconstrução pós-terremoto Em Abruzzo, o primeiro-ministro Silvio Berlusconi relançou a ideia, já mencionada no Plano da Casa, das Novas Cidades.
Mas o que exatamente esse termo em inglês significa do ponto de vista urbano?

Bairro de uma cidade nova

As primeiras cidades novas nasceram na Inglaterra nos anos quarenta para combater o crescimento congestionado da cidade de Londres. A ideia √© criar novos sub√ļrbios suburbanos, bem ligado √† cidade, e urbanisticamente completo, depois com uma √°rea administrativa e comercial no centro, cercada por bairros residenciais, separados por parques e pequenas √°reas agr√≠colas.
A ideia tamb√©m se espalhou para o resto da Europa, onde v√°rios exemplos foram feitos, enquanto na It√°lia o √ļnico caso concreto √© representado pelo Mil√£o 2 constru√≠do nos anos setenta por Berlusconi.
As opini√Ķes dos arquitetos sobre esse tipo de realidade urbana s√£o bastante discordantes. o apoiantes eles acreditam que eles cont√™m todos os confortos e departamentos

Centro de L'Aquila (fonte Wikipedia)

lla cidade, al√©m de um bom n√ļmero de espa√ßos verdes, enquanto eu detratores eles os consideram guetos modernos com solu√ß√Ķes arquitet√īnicas triviais.
Em relação à reconstrução de L'Aquila, devemos entender bem o que o primeiro-ministro queria entender com o conceito de New Town.
Construir uma nova cidade em outro lugar é uma idéia impraticável, especialmente se levarmos em conta o valor histórico do centro de L'Aquila, tendo um plano urbano do período angevino e numerosos monumentos valiosos.
Se, no entanto, a nova cidade significa substitui√ß√£o de edif√≠cios seriamente danificados das numerosas fra√ß√Ķes afetadas, com um edif√≠cio caracterizado por padr√Ķes de constru√ß√£o de melhor qualidade, ent√£o o discurso muda seu significado.
Voltando, em vez disso, ao discurso mais geral do Planta da Casa , o Cavaliere havia anunciado no acordo com as Regi√Ķes que a provis√£o, para dar a casa mesmo √†queles que ainda n√£o a possu√≠am, tamb√©m teria previsto a constru√ß√£o de novos assentamentos urbanos, as novas cidades, na verdade.
A ideia suscitou muitas críticas, mesmo por urbanistas e arquitetos, que temem que ela possa originar experiências de degradação como as de arrabaldes Parisiense.
Pode-se perguntar, no entanto, onde você pode encontrar a terra disponível para construir novas cidades pequenas inteiras, já que muitas cidades já estão amplamente saturadas.


arco. Carmen Granata



Vídeo: Cidades Novas do Brasil - Curitiba - [THPU] 2014-1