Abitare Verde em Roma

Um evento em que foi poss√≠vel discutir as quest√Ķes sempre atuais e necess√°rias relacionadas √† sustentabilidade e energia limpa.

Abitare Verde em Roma

Tema da sustentabilidade na vida

O tema do sustentabilidade agora √© central e essencial para alcan√ßar um equil√≠brio entre o ambiente constru√≠do e o ambiente; tem sido repetidamente sublinhado como o sector da constru√ß√£o tem uma grande influ√™ncia no n√≠vel de polui√ß√£o atmosf√©rica: 40% das emiss√Ķes vem do nosso unidades habitacionais.
Daí a necessidade de desacelerar, limitar os impactos através da adoção de um política verde, dedicado a salvar e respeitar o meio ambiente.

sostenibilità

Todas as premissas acima levaram designers e empresas ao estudo de novos m√©todos de vida, por um lado, para a realiza√ß√£o de edif√≠cios inteligentes e baixo impacto, capaz de oferecer conforto, seguran√ßa e habitabilidade evitando desperd√≠cios e, em segundo lugar, reconverter edif√≠cios existentes com opera√ß√Ķes de requalifica√ß√£o de energia: os chamados retrofitting.
Apenas estes dois temas s√£o a base do evento organizado em 17 de abril do ano passado Vivendo Verde Bio-arquitetura e planejamento urbano sustent√°vel, realizada na Casa dell'Architettura em Roma.

Vivendo Verde

abitare verde

O evento, promovido pela associa√ß√£o sem fins lucrativos Pent√°polise com a participa√ß√£o de numerosas associa√ß√Ķes comerciais e ambientalistas, bem como institui√ß√Ķes de pesquisa e estudo, incluindo Anci, Kyoto Club, Green Building It√°lia, WWF Italia, Velux Italy, Rubner Haus, Universidade La Sapienza de Roma, envolveu profissionais e especialistas do setor em um debate baseado nas metodologias projeto e de redesenvolvimento, no dom√≥tica, no habita√ß√£o sociale em produzir e o tecnologias para edif√≠cios com baixo impacto ambiental, bem como certifica√ß√Ķes para o pr√©dio verde.
Todo o processo que levou à construção de um edifício, desde o planejamento de novos edifícios ou complexos, até a disposição de materiais e ferramentas foi analisado: de acordo com os estudos realizados, de fato, eles estão faltando em termos de sustentabilidade, todas as várias fases que levam à criação de um novo artefato.
Daí a necessidade de impulsionar não só a criação de novos bairros inteligentes, mas também de promover a reconversão e a reconversão de edifícios antigos ou em desuso, com o duplo objectivo de dar um molde verde a artefactos obsoletos e impedir a exploração excessiva do território..
A Abitare Verde provou ser, neste contexto, o lugar onde as administra√ß√Ķes p√ļblicas e as empresas lhes mostraram a√ß√Ķes concretas empreendido para perseguir o objetivo.

Programa Vida Verde

energia e sosteniblità

Durante o dia, personalidades e especialistas no campo se alternaram, entre eles Isabella Goldmann, diretor-gerente do Goldmann & Partner e diretor da Meglio Possibile, empresas e revistas on-line que promovem sustentabilidade e eficiência energética.
Além disso, os dados do pesquisa de Nomisma e Pentapolis em oportunidades de construção de emissão zero.
O estudo destacou o impacto do setor de reconvers√£o sustent√°vel, baseado na renova√ß√£o dos ativos dispon√≠veis e no uso de t√©cnicas bio-arquitet√īnicas.
Nesta ocasi√£o, a primeira edi√ß√£o do Pr√™mio AbitareVerde, voltado para √≥rg√£os p√ļblicos comprometidos com a sustentabilidade na constru√ß√£o.
Um j√ļri de especialistas os recompensou melhores pr√°ticas recomendadas realizado no ano passado sobre o tema de redesenvolvimento e valoriza√ß√£o do parque imobili√°rio.

abitare verde e sostenibilità

Em particular, dois pr√™mios foram concedidos: Munic√≠pio de Capannori, para os incentivos para casas ecol√≥gicas e o cultivo de c√Ęnhamo no setor de produ√ß√£o; para MED na It√°lialiderado pelo orientador da faculdade Chiara Tonelli, professor da Universidade Roma Tre, por ter realizado uma casa passiva classificada terceira al Solar Decathlon Europe 2012.
Finalmente, para aumentar a conscientiza√ß√£o sobre o tema e recompensar a criatividade dos alunos como profissionais de amanh√£, foi lan√ßado um convite √† apresenta√ß√£o de propostas. pr√™mio, no valor de 1000 euros, para as melhores teses discutidas nos dois √ļltimos anos acad√™micos sobre o tema da adapta√ß√£o do patrim√īnio arquitet√īnico existente, segundo crit√©rios de sustentabilidade.
A AbitareVerde quer ser uma oportunidade para colocar as pol√≠ticas ambientais do setor no centro do debate, apresentando as a√ß√Ķes concretas empreendidas pelas administra√ß√Ķes locais e nacionais, bem como pelas empresas., diz Massimiliano Pontillo, presidente da Pentapolis, um ponto de encontro para novas solu√ß√Ķes, conhecimento e ferramentas inovadoras.



Vídeo: Promo Abitare Verde II Edizione