Trabalhar em Economia

Antes de realizar trabalhos em economia, √© aconselh√°vel que o cliente indague se os trabalhos est√£o dentro dos limites permitidos pelas regulamenta√ß√Ķes nacionais e locais.

Trabalhar em Economia

Crise econ√īmica e trabalho em economia

Em tempos de crise econ√īmica, lide com o trabalho de constru√ß√£o usando a metodologia do trabalhar em economia poderia representar o compromisso certo para fazer uma melhoria ou um restyling em sua casa, economizando m√£o de obra.
Infelizmente, porém, não é tão simples e óbvio quanto parece: é necessário lidar com legislação em vigor operar de acordo com a lei e em total segurança.

Quais s√£o os empregos na economia?

lavori in economia

Trabalhar na economia significa operar em total autonomia: o cliente privado, seja na primeira pessoa ou usando seus pr√≥prios trabalhadores ou aut√īnomos, sem a presen√ßa de construtoras, trabalha para se reestruturar, fazer melhorias ou pequenas mudan√ßas em sua propriedade.

Uma vez que eles s√£o, portanto, de tamanho modesto, eles n√£o s√£o previstos encargos de seguran√ßa nem apresenta√ß√£o do Documento √ļnico de regularidade contributiva, obrigat√≥rio para todas as empresas e trabalhadores independentes.

Regras sobre empregos na economia

Infelizmente no que diz respeito a empregos na economia n√£o h√° regra direta para se referir.

Certamente √© para ser consultado o Texto de consolida√ß√£o, o Decreto presidencial 380/2011 que, aart. 3 par√°grafo 1 define as interven√ß√Ķes de constru√ß√£o de acordo com o seu tamanho: elas variam de interven√ß√Ķes de manuten√ß√£o ordin√°rias, ou seja, interven√ß√Ķes de constru√ß√£o relativas √† repara√ß√£o, renova√ß√£o e substitui√ß√£o de acabamentos de edif√≠cios e as necess√°rias para integrar ou manter sistemas tecnol√≥gicos existentes, at√© a reestrutura√ß√£o urbana.

Para cada interven√ß√£o no edif√≠cio existe um procedimento burocr√°tico muito preciso: para trabalho modesto nomeadamente interven√ß√Ķes de manuten√ß√£o ordin√°ria, interven√ß√Ķes destinadas a eliminar barreiras arquitet√īnicas que n√£o envolvem a constru√ß√£o de rampas ou elevadores externos, ou seja, artefatos que alteram a forma do edif√≠cio, obras tempor√°rias para atividades de pesquisa no subsolo que t√™m car√°ter geogn√≥stico, excluindo atividades de explora√ß√£o de hidrocarbonetos, e realizado em √°reas fora do centro da cidade; movimentos terrestres estritamente relacionados com o exerc√≠cio da atividade agr√≠cola e pr√°ticas agroflorestais-pastorais, incluindo interven√ß√Ķes no encanamento agr√≠cola; as estufas m√≥veis sazonais, carentes de estruturas de alvenaria, funcionais para a realiza√ß√£o da atividade agr√≠cola -art. 6 par√°grafo 1est√° programado latividade de constru√ß√£o gratuita: o cliente, sem aviso pr√©vio ou comunica√ß√£o ao Facilidade √ļnica de constru√ß√£o, para esses tipos de processamento, opera em total autonomia.

normativa e lavori in economia

A legisla√ß√£o de seguran√ßa tamb√©m se aplica aos empregos na economia: o Decreto Legislativo 81/2008tudoart. 90 par√°grafo 9, esclarece obriga√ß√Ķes do cliente na fase de coloca√ß√£o de trabalho: o cliente ou o respons√°vel pelos trabalhos, mesmo no caso de atribui√ß√£o do trabalho a uma √ļnica empresa ou a um trabalhador n√£o assalariado, verifica a adequa√ß√£o t√©cnico-profissional dos contratantes, dos contratantes e dos trabalhadores independentes em rela√ß√£o √†s fun√ß√Ķes ou obras a serem confiadas,...; pergunta √†s empresas uma declara√ß√£o da m√£o de obra m√©dia anual, diferenciada por qualifica√ß√£o, acompanhada dos detalhes das reclama√ß√Ķes dos trabalhadores feitas ao Instituto Nacional de Seguridade Social (INPS), do Instituto Nacional de Seguro de Acidentes do Trabalho (INAIL) e dos fundos de constru√ß√£o, bem como declara√ß√£o relativa √† conven√ß√£o colectiva estipulada pelos sindicatos comparativamente mais representativos, aplicada aos trabalhadores...; transmite ao poder concedente, antes do in√≠cio das obras objeto da autoriza√ß√£o de constru√ß√£o ou da notifica√ß√£o de in√≠cio de actividade, uma c√≥pia da notifica√ß√£o pr√©via referida no artigo 99.o, o documento √ļnico de contribui√ß√£o regular das empresas e dos trabalhadores independentes, sem preju√≠zo do o disposto no artigo 16.¬ļ-B, n.¬ļ 10, do Decreto-Lei de 29 de Novembro de 2008, n. 185, convertido, com emendas, por lei 28 de janeiro de 2009, n. 2...

Enquanto anteriormente o D.U.R.C. deve ter sido propriedade apenas das empresas, hoje mesmo os aut√īnomos devem estar na posse do documento, e √© √≥bvio que, usando m√£o-de-obra n√£o qualificada ou fa√ßa-voc√™-mesmo, isso n√£o est√° em conformidade com a lei.

autocostruzione e lavori in economia

Tendo em conta os dois decretos, √© portanto adequado avaliar a extens√£o do trabalho: se estamos lidando com pequenos trabalhos que n√£o provocam mudan√ßas de volume ou outras modifica√ß√Ķes substanciais, de opera√ß√Ķes que n√£o produzem interfer√™ncia entre os atores e, portanto, perigos, √© poss√≠vel realiz√°-los em total liberdade (manchas de gesso, pintura, pequenas obras tempor√°rias), etc).

Dado oautonomia das autoridades locais, o conselho ainda √© entrar em contato com o Escrit√≥rio T√©cnico de seu munic√≠pio: √© poss√≠vel que haja maior ou menor elasticidade na escolha das interven√ß√Ķes permitidas. Muitos munic√≠pios, de fato, eles realmente pro√≠bem Recorrer ao trabalho em economia, portanto, para evitar ser suspenso ou para evitar san√ß√Ķes, √© necess√°rio informar-se com anteced√™ncia.

Um esclarecimento final: há uma diferença considerável entre oautocostruzione e trabalhar em economia.
Tamb√©m neste caso, √© aconselh√°vel contactar o balc√£o √ļnico porque muitas autoridades locais est√£o a adoptar leis que prev√™em o recurso √† autoconstru√ß√£o no territ√≥rio, limitando ou mesmo proibindo o recurso ao trabalho na economia.

Dedu√ß√Ķes e trabalhos em economia

lavori in economia

Recorrer, quando poss√≠vel, a empregos na economia significa economizar em trabalho: por esse Dedu√ß√Ķes de 50% Obviamente, n√£o haver√° trabalho no trabalho, porque n√£o haver√° apresenta√ß√Ķes de trabalho.

L '√ļnica despesa dedut√≠vel √© isso emcompra de materiais conforme esclarecido pelo Revenue Agency Guide: a pessoa que realiza o trabalho no edif√≠cio tamb√©m pode solicitar a dedu√ß√£o, limitada aos custos de aquisi√ß√£o dos materiais utilizados.

Neles, no entanto, não será possível aplicar o IVA de 10%.



Vídeo: A Profissão do Economista