Taxas IMU para 2019

As taxas são essenciais para o cálculo da IMU, tanto para o adiantamento como para o saldo. Veja o que você precisa saber para evitar cometer erros.

Taxas IMU para 2019

Taxas IMU

L 'IMU é o imposto municipal sobre os edifícios que deve ser pago em duas parcelas com vencimento respectivamente em 16 de junho para o pagamento e 16 de dezembro para o saldo.
Elemento fundamental para fazer o cálculo da IMU e como tal quantificar o valor a pagar, que é diferente de município para município e de acordo com a propriedade sobre a qual o imposto é aplicado, são as taxas.

C√°lculo da IMU

Taxas IMU

Para executar adequadamente o c√°lculo da IMU √© necess√°rio ter informa√ß√Ķes preliminares sobre algumas informa√ß√Ķes essenciais, como a renda cadastral do pr√©dio.
Onde é isso? Você pode recuperar o renda cadastral da propriedade em que você deve pagar a IMU (lembre-se que você paga na habitação principal apenas se eles são de luxo / valiosos e em todas as outras propriedades de segunda casa) sobre a venda da propriedade ou você pode prosseguir para faça um perfil de negócios cadastral.
Uma vez recuperada a renda cadastral, para calcular a UMI será necessário reavaliar a referida renda em 5% e, em seguida, para o valor obtido, multiplicar uma série de coeficientes previsto pela lei, que são:
- 160 para edifícios classificados no grupo cadastral A e nas categorias cadastrais C / 2, C / 6 e C / 7, com exceção da categoria cadastral A / 10;
- 140 para edifícios classificados no grupo cadastral B e nas categorias cadastrais C / 3, C / 4 e C / 5;
‚ÄĘ 80 para edif√≠cios classificados na categoria cadastral D / 5;
- 65 para edifícios classificados no grupo cadastral D, com exceção dos edifícios classificados na categoria cadastral D / 5
‚ÄĘ 55 para edif√≠cios classificados na categoria cadastral C / 1.

Taxas IMU: olho na expiração

O valor deve então ser adicionado ao valor obtido Taxas IMU que identifica o município na resolução específica.
O munic√≠pio deve adotar a resolu√ß√£o com as taxas da IMU e depois providenciar a publica√ß√£o, dando ampla publicidade, no site da Secretaria da Fazenda do Minist√©rio da Economia que dedica uma se√ß√£o ad hoc apenas para encontrar as v√°rias resolu√ß√Ķes com as taxas de todos os munic√≠pios It√°lia.
Em rela√ß√£o apagamento adiantado IMU expirou em 16 de junho de 2015, os contribuintes puderam calcular o imposto devido com as taxas aprovadas em 2104. Em seguida, o pagamento do segunda parcela da IMU, a ser realizada por 16 de dezembro de 2015, o saldo do imposto devido para o ano inteiro deve ser seguido com poss√≠vel ajuste na primeira parcela paga, com base nas resolu√ß√Ķes publicadas no site da Secretaria da Fazenda em 28 de outubro do ano passado.

Taxas IMU para o c√°lculo do saldo de 2015

C√°lculo da IMU

E aqui está a dificuldade que é encontrada em relação ao Cálculo do saldo da IMU com vencimento para 2015.
De fato, muitos munic√≠pios n√£o adotaram e publicaram as resolu√ß√Ķes com os novos at√© 28 de outubro de 2015. taxas 2015.
Como o saldo deve ser executado neste caso? Quais taxas de IMU devem ser consideradas?
Bem, precisamos fazer distin√ß√Ķes. Se o munic√≠pio de pertencimento em que o im√≥vel est√° localizado sujeito ao pagamento deIMU adotou as resolu√ß√Ķes com as novas tarifas de 2015 at√© 30 de julho e as publicou at√© 28 de outubro, n√£o h√° problema: o c√°lculo √© realizado seguindo as regras acima, com as novas tarifas de 2015.
Especificamente, será necessário recalcular o imposto total levando em conta as novas tarifas, subtraindo o valor já pago no momento do depósito (16 de junho) e daqui o valor do saldo a ser pago será pago até dezembro.
Pode acontecer que o Município tenha adotado a resolução com as novas taxas até 30 de julho de 2015, mas não o tenha feito a tempo, até o prazo de 28 de outubro de 2015 para publicá-la no site da Secretaria da Fazenda. O que fazer neste caso? Neste caso, o cálculo do Saldo IMU com vencimento até 16 de dezembro deve ser realizado com as taxas de 2014.
O mesmo se aplica se o Munic√≠pio tiver aprovado e publicado em 2015 as taxas de 2015 ap√≥s o prazo de 28 de outubro de 2015. No mesmo site institucional, as resolu√ß√Ķes publicadas ap√≥s o dia 28 n√£o devem ser levadas em considera√ß√£o para fins de determina√ß√£o do imposto. Outubro de 2015.
Assim, o cálculo e a aplicação dos vários Taxas IMU muda de comum para município.
O conselho a ser dado neste caso é verificar com o maior cuidado se a taxa fornecida pelo seu município permaneceu inalterada ou não ea melhor maneira de fazê-lo é ver a resolução no site da Secretaria da Fazenda.
Então um Milan Taxas de 2014 decididas com a resolução no. 17 de 23 de junho de 2014 também estão confirmadas para 2015 (6 por mil na casa principal da categoria A1, A8 e A9).
Da mesma forma também um Roma onde são aplicadas as taxas de 2014 para o cálculo do saldo da IMU 2015 (em 0,5% para as unidades imobiliárias usadas como residência principal e classificadas nas categorias cadastrais A / 1, A / 8 e A / 9). O município de Turim em vez disso, previu novas taxas para 2015 (6 por mil para as principais casas de luxo e prestígio).
H√° uma considera√ß√£o final a ser feita. Enquanto se aguarda a aprova√ß√£o da lei de estabilidade 2016, a antiga Finanziaria, uma prorroga√ß√£o para 30 de setembro do prazo para aprova√ß√£o das resolu√ß√Ķes com as novas taxas de IMU est√° prevista. Como a Lei de Estabilidade entra em vigor em 1¬ļ de janeiro de 2016, esse esclarecimento n√£o deve ser aplicado ao saldo da IMU a ser pago at√© 16 de dezembro.



Vídeo: IMUNIDADE BAIXA COMO TRATAR