Multas salgadas para empresas de telefonia acusadas de conduta ilícita

A Agicom multa as companhias telef√īnicas por telemarketing incorreto, acusando-as de terem violado as regras do c√≥digo de consumo para a transposi√ß√£o dos direitos do consumidor.

Multas salgadas para empresas de telefonia acusadas de conduta ilícita

Agicom sanciona as principais empresas de telefonia

Com grande satisfa√ß√£o dos usu√°rios, agora cansados ‚Äč‚Äčde serem perseguidos e frequentemente enganados porAGICOM, a Autoridade Concorrente e Garantidora do Mercado imp√īs san√ß√Ķes para um total de 9.000.000 de euros para os principais empresas de telefonia.
A acusação é ter violou as regras do código de consumo para a implementação do direitos do consumidor, adotando conduta ilegal em relação à venda de seus serviços de telefonia fixa e / ou móvel, remotamente, on-line, por telefone ou em seus estandes, mas fora das lojas.

Call centers, empresas de telefonia e teleselling ilícito


Para acabar sob acusação, eles são Telecom, Vodafone, Vento, Fastweb e Tiscali.
De facto, é prática comum, por parte dos operadores do sector, iniciar o contrato, procedendo acomeço imediato ativação da linha ou do movimento de um operador anterior sem esperar no final dos 14 dias (período de reflexão) que o utilizador tem direito por lei, não podendo, portanto, exercer o direito de retirada. Tudo isso, na ausência de um pedido específico nesse sentido do consumidor.
o código de consumo, prevê, em vez disso, que a execução do contrato durante o período de retratação é deixada apenas à decisão do consumidor, que deve solicitá-lo expressamente.
Eu sou pelo menos tr√™s viola√ß√Ķes os requisitos informativos e formais estabelecidos pela regulamenta√ß√£o e apurados pela Agicom:
- a aus√™ncia da informa√ß√£o, conforme exigido pelo C√≥digo do Consumidor, no site da operadora de telefonia e nos termos e condi√ß√Ķes gerais do contrato, tanto no que diz respeito aos custos cobrados em caso de execu√ß√£o antecipada do contrato e posterior retirada pelo consumidor, quanto por quaisquer custos adicionais devido √† antecipa√ß√£o do contrato a pedido expresso do usu√°rio;
- a celebra√ß√£o de contratos em linha, por telefone ou fora das instala√ß√Ķes da empresa e o in√≠cio simult√Ęneo de ativa√ß√£o tempor√°ria de uma nova linha fixa ou de migra√ß√£o de outro operador na aus√™ncia de um pedido espec√≠fico do consumidor e sem o colocar em posi√ß√£o de fazer uma escolha independente;
- a acusação de custos adicionais em caso de repensar o contrato, que não são devidos pelo consumidor na ausência da divulgação acima mencionada e / ou um pedido explícito.



Vídeo: