Aberturas externas e móveis interiores

Como combinar a essencialidade da luz natural com a complexidade de uma composição interior.

Aberturas externas e móveis interiores

o aberturas nas fachadas dos edif√≠cios, eles assumem formas e tamanhos diferentes, dependendo do estilo arquitet√īnico, das necessidades de design e muito mais.

Os protagonistas de aberturas externas do mobili√°rio interno: uma abertura particular

Em muitas ocasi√Ķes, os designers, aproveitando-se de uma parede particularmente adequada, inserem perfurante que j√° n√£o assume o significado t√©cnico simples de porta ou janela, mas torna-se por sua particularidade refer√™ncia not√°vel para o edif√≠cio, at√© caracteriz√°-lo fortemente.

H√° tamb√©m situa√ß√Ķes em que uma simples abertura em uma parede se torna dentro do pr√©dio, raz√£o inspirando para compor, por exemplo, um m√≥vel que acentua sua composi√ß√£o em torno dele.

Desta forma, parece quase que a parede perimetral na qual esta abertura est√° localizada, se torna junto com a composi√ß√£o interna, uma √ļnica que, al√©m de caracterizar o interior, encontra uma refer√™ncia ao exterior em dire√ß√£o a um escor√ßo da paisagem particular.

Os protagonistas de aberturas externas de mobília de interior: a estante ao redor da abertura

Um exemplo de tal interven√ß√£o √© ilustrado abaixo, onde em torno de um simples corte de 30 cm. De largura, tamponada com vidro, sem frisos particulares ou ornamentos externos, gra√ßas √† intui√ß√£o do designer, uma pe√ßa √ļnica de mobili√°rio foi projetada.

Nele, uma composição em madeira consistindo de uma estante de altura total, com uma base curva no centro que interrompe a ortogonalidade rígida da composição, torna-se dentro dela junto com o corte de luz vindo da abertura de vidro-vidro-trabalho, uma composição evocativa.

Os protagonistas de aberturas externas de mob√≠lia de interior: a luz do p√īr-do-sol pelo vidro

A partir deste corte, na alvenaria, o sol e a lua de acordo com a hora do dia, eles podem penetrar uma luz que mesmo quando dentro do quarto dos fundos √© mobiliado a noite √© capaz de chamar a aten√ß√£o daqueles que confortavelmente deitado no sof√° adjacente √† estante de livros, permanece para contemplar suas varia√ß√Ķes crom√°ticas.

A estrutura de madeira da estante de livros nogueira nacional, composto de espaldares verticais simples e grossos, atravessados ‚Äč‚Äčpor essa luz, recorda em algumas horas do dia, a luz que pode ser vislumbrada entre uma √°rvore e outra em uma floresta durante uma caminhada despreocupada.