Simpósio Europa

Ap√≥s os recentes desastres ambientais, tamb√©m causados ‚Äč‚Äčpela m√° gest√£o do meio ambiente e do territ√≥rio, o homem n√£o pode mais ignorar suas responsabilidades e n√£o se envolver em pesquisa e aplica√ß√£o de t√©cnicas e materiais eco-compat√≠veis...

Simpósio Europa

Simpósio Europa: bioarquitetura

A consciência generalizada de que toda construção modifica a paisagem e determina novos equilíbrios deve necessariamente levar a um conhecimento mais profundo e a um uso disseminado e consciente do equilíbrio. técnicas de construção eco-compatíveis para a proteção do território.
Sabe-se que a atividade de constru√ß√£o e a produ√ß√£o de materiais de constru√ß√£o consomem recursos e interagir com oambientecomo √© sabido que construir responsavelmente significa observar a complexidade das sistema, a fim de minimizar os efeitos negativos e favorecer as circunst√Ęncias favor√°veis ‚Äč‚Äč√† vida.

Simpósio Europa: bioarquitetura

Por conseguinte, é necessário que, para limitar apoluição de ar e água e solo, devemos colocar o edifício biocompatível e eco-sustentável no centro do processo de construção.
Estes são os temas centrais do debate da 18ª edição doSimpósio Europa.
O Simpósio Europa é a principal conferência europeia sobre o tema daedifício sustentável e ambientalmente amigável isso, o próximo 30 de outubroinaugura sua 18ª edição no Feira SAIE de Bologna, no Palazzo dei Congressi.
O tema e o título desta nova edição serão:
BIOARCHITECTURE: ARQUITETURA VIVA
PROJETANDO NORMALIDADE

Este evento nasceu em Aaachen, Alemanha, por ocasião do projeto de urbanização urbana e urbana do IBA Emscher Park e, ao longo dos anos, eles se juntaram, além doItália, também os governos de Dinamarca, Holanda, Suécia e Bélgica.
A 18ª edição é um evento organizado pelaInstituto Nacional de Bio-arquitetura, com o apoio da Universidade de Bolonha, da região de Emilia Romagna e

Simpósio Europa: bioarquitetura

por Alinea Editrice Firenze.
objetivo desta edição é definir o estado da arte da construção sustentável e ambientalmente amigável na Europa, também através da apresentação de algumas obras e técnicas de construção, com o objetivo de aumentar a sua difusão, reduzindo as resistências para desviar das técnicas usuais, aumentando a sua maestria.
Técnicos e especialistas, em uma série de mini-debates, ilustrarão alguns deles tecnologias mais central na prática de construção ecológica.
Entre os alto-falantes Vale a pena mencionar a presença de Christian Schaller, de Andrea Masullo, de Enzo Tiezzi, de Carlo Monti, de Wittfrida Mitterer, de Nikos Salíngaros, da Universidade de San Antonio, no Texas, e de Andreas Von Zadow, arquiteto e urbanista de Berlim.
Durante a conferência também será apresentado ECOFFICINA fundada e organizada pela Bioarquitetura:
um pool de empresas, líderes em seu setor, comprometidas com a construção de acordo com os mais modernos princípios de eco-sustentabilidade e biocompatibilidade que, durante a conferência, oferecerão um serviço de consultoria

Simpósio Europa: bioarquitetura

dirigido a pessoas físicas ou jurídicas, para aplicação de materiais e tecnologias em Bioarquitetura.
A confer√™ncia tamb√©m vem da conscientiza√ß√£o, agora aceita e compartilhada pela maioria de n√≥s, de que a gest√£o cuidadosa dos recursos eo uso de materiais e t√©cnicas ecol√≥gicos, representam um dever para com o meio ambiente, para aqueles que l√° vivem e para as gera√ß√Ķes futuras.
bioarchitettura.it



Vídeo: TV Defesa: Simpósio expande diálogo entre América do Sul e Europa