Educação ambiental nas escolas

A partir de setembro, a educação ambiental entra nas escolas, graças a um projeto conjunto dos Ministérios do Meio Ambiente e da Educação.

Educação ambiental nas escolas

Atenção e respeito ao meio ambiente, consumo sustentável, gestão adequada de resíduos, a luta contra a eco-mafia são tópicos que devem fazer parte da educação dos cidadãos de menor idade, para que estilo de vida ecologicamente correto tornar-se uma atitude comum e natural e não apenas a atenção especial das pessoas mais sensíveis.

Os meninos e o meio ambiente

Obviamente, os ministros do meio ambiente também devem ser de opinião Stefania Prestigiacomo e educação Mariastella Gelmini, desde que assinaram um acordo para levar a educação ambiental para a escola a partir do próximo ano letivo.
Mais precisamente, o projeto, para o qual os dois ministérios alocarão conjuntamente um milhão de euros, prevê a inclusão da educação ambiental dentro de um novo assunto, Cidadania e Constituição, que afetará todos os alunos de todos os níveis a partir de setembro próximo.
A publicação do parente Diretrizes está programado para coincidir com os primeiros dias de aula.

Crianças e o meio ambiente

Duas competições também foram apresentadas durante o anúncio da iniciativa.
O primeiro é intitulado As coisas mudam se... e é destinado a crianças de pré-escola e escola primária.
O objetivo é coletar em uma publicação que conterá desenhos, imagens, fotografias, as melhores propostas de crianças para a proteção da natureza e da paisagem.
A segunda competição é destinada a crianças mais velhas, aquelas de escolas secundárias de I e II, e é intitulado Escola, meio ambiente e legalidade. O objetivo é que os alunos estabeleçam uma campanha de comunicação com foco no ciclo de resíduos, consumo sustentável e combate às eco-máfias.
As inscrições vencedoras serão usadas para uma campanha de comunicação dos dois ministérios, prevista para 2010.
o objetivos que a iniciativa pretende buscar são basicamente três: a compreensão das questões ambientais, a consciência de que é possível contribuir para a proteção do meio ambiente e a reflexão sobre o valor do meio ambiente como lei universal.
As propostas educacionais serão acompanhadas por uma série de ações práticas destinadas a fortalecer o vínculo com o território.
Então a rede do será melhorada parques, sabemos projetos em colaboração com o Ranger e o Guarda costeira e uma rede será criada em toda a Itália voluntários para a proteção do meio ambiente.
Dentro do projeto também está inserida a criação de um website, onde serão recolhidas as práticas mais positivas propostas pelas escolas, de modo a constituir uma espécie de biblioteca de soluções eficazes a serem tomadas como modelo por todas as instituições.



Vídeo: Grandes Temas - Educação Ambiental na Escola(Parte 1)