Práticas de construção

Neste artigo ilustramos quais são as práticas necessárias de acordo com as intervenções de construção, referindo-se a cada artigo específico para mais detalhes.

Práticas de construção

Que práticas de construção você se prepara para o trabalho em sua casa?

Qualquer tipo de intervenção de construção é realizada em sua casa ou em uma propriedade em geral deve ser, se não for necessário, pelo menos relatado, para o Município onde o edifício está localizado.
Claro, eles também existem intervenções de construção gratuitas, como a pintura das paredes, ou a substituição das telhas, mas, em geral, qualquer intervenção envolve uma transformação mínima deve seguir essa prática.

arquiteto para práticas de construção

Dado que, confiando em empregos para um técnico qualificado (arquiteto, engenheiro ou agrimensor), será o profissional a indicar a prática adequada ao tipo de intervenção, é útil em qualquer caso ter informações gerais sobre o assunto.
Mas não nos esqueçamos que, em virtude deautonomia legislativa local, na Itália, é possível encontrar diferentes regulamentações de Região para Região e de Município para Município, sem esquecer o hábito de interpretar de uma maneira diferente também a mesma norma, por cada corpo.
Um primeiro passo para a unificação dos procedimentos em nível nacional foi feito com a publicação do modelos padrão para Scia e Permission to Build, mas muito mais terá que ser feito para facilitar a vida dos cidadãos e trabalhar para os profissionais.
Para entender, no entanto, qual prática se preparar para o trabalho que você pretende realizar, devemos nos referir em particular ao Lei Consolidada de Construção, o d.p.r. 380/2001e, em particular, ao art. 3, que assim subdivide as intervenções do edifício:
a) intervenções de manutenção ordinária;
b) intervenções de manutenção extraordinária;
c) intervenções de restauração e restauração conservadora;
d) intervenções de renovação de edifícios;
e) novas obras de construção;
f) obras de reestruturação urbana.
Neste artigo, vamos resumir, então, quais são as práticas necessárias de acordo com as intervenções a serem implementadas, referindo-se a cada artigo específico para maiores detalhes e detalhes.

Comunicação de Início de Trabalhos

Para realizar trabalhos de manutenção de rotina, geralmente é suficiente apresentar um C.I.L.Comunicação do Início dos Trabalhos.
Para este tipo de comunicação, os Municípios geralmente montam uma unidade especial formas, também disponível on-line em seu site, que pode simplesmente ser preenchido pelo candidato, e o coaching não é necessário.
Alguns municípios, no entanto, prevêem desenhos técnicos para ser anexado para o qual, neste caso, a presença do técnico será indispensável.

Comunicação de Asserted Works Start

práticas de construção

Para uma manutenção extraordinária, é necessário recorrer ao C.I.L.A., isto é, a Comunicação do Início Assegurado das Obras.
L 'declaração trata-se, na verdade, de uma autocertificação com a qual o técnico assume a responsabilidade de declarar que as intervenções a serem realizadas cumprem as normas vigentes e, portanto, não é necessário aguardar o consentimento antes de iniciar o trabalho, o que pode dar início ao trabalho. mesmo dia em que a comunicação ocorre.
Atenção: o C.I.L.A. pode ser nomeado diferentemente segundo os vários Municípios, por exemplo em Milão é chamado C.I.A.L...

Relatório certificado de atividades iniciais

Se o extraordinário trabalho de manutenção a ser realizado requer intervenções nas estruturas ou modificações na fachada, é necessário apresentar uma S.C.I.A., Relatório Certificado de Atividades Iniciais, prática necessária mesmo em caso de reestruturação, restauração e restauração conservadora.
Também neste caso é possível começar os trabalhos no dia da comunicação.

Relatório de Atividades Iniciais

o D.I.A., Relatório de Atividades de Início, deveria expirar com a entrada em vigor de C.I.L.A. e S.C.I.A. mas, de fato, continua a ser usado ainda em muitos municípios para intervenções como a mudança de uso pretendido, a divisão de um edifício ou a demolição e reconstrução.
Também é usado para extensões ou superelevação, quando previsto pelo Plano Inicial.
Neste caso, antes de prosseguir com o início do trabalho, é necessário aguardar 30 dias e o assentimento silencioso do Município.

Licença de construção

o Licença de construçãoportanto, continua sendo o instrumento usado para intervenções de construção mais substanciais, como as de nova construção ou renovação urbana.

Outras práticas de construção

práticas de construção

Mas os aspectos burocráticos ligados à realização de uma intervenção de construção não param naqueles descritos.
Em primeiro lugar, não são suficientes quando a propriedade objeto da intervenção está vinculada e, portanto, é necessário solicitar antecipadamenteautorização de paisagem.
Então, quando houver intervenções nas estruturas, é necessário prover a verificação sísmica e o projeto estrutural e sua depósito nos engenheiros civis.
Finalmente, se a intervenção envolve uma mudança na consistência cadastral (geralmente quando uma distribuição interna diferente é alcançada), será necessário queixa de variação cadastral.



Vídeo: Melhores práticas na construção de APIs REST