Bio-design para o lar

O bio-design do arquiteto ecológico Roald Gundersen é a nova tendência da arquitetura moderna.

Bio-design para o lar

De todas as partes do mundo recebemos not√≠cias de casas constru√≠das seguindo os princ√≠pios desustentabilidade ambiental. A √ļltima tend√™ncia estil√≠stica da arquitetura √© a bio-design: consiste em trazer atmosferas e aromas da floresta para o lar.

Casa de fazenda drifltess


Os quarenta e nove arquitectos americanos s√£o o guru desta tend√™ncia Roald Gundersen, que dirige no Wisconsin Arquitetura De √Ārvores Inteiras E Costruction, uma empresa que pretende criar casas 100% sustent√°veis ‚Äč‚Äče construiu sua pr√≥pria casa, onde mora com a fam√≠lia.
O arquiteto, com suas idéias baseadas em bio-design, já conquistou seu país e começa a receber feedback também na Europa.
Para sua casa, Gundersen usou o madeira, um material comumente usado na constru√ß√£o, especialmente nos Estados Unidos, mas neste caso a novidade consiste no fato de que √© um trabalho a zero quil√īmetro e preservada em sua estrutura natural.
A madeira utilizada por Gundersen √© de zero quil√īmetro porque √© retirada diretamente da madeira da regi√£o, portanto sem a necessidade de transporte e com conseq√ľente zero emiss√Ķes de CO2.

interno

Além disso, a madeira não foi cortada ao acaso, mas madeira de plantas doentes foi usada, que estava prestes a morrer, ou que causou danos a outras plantas.
√Č um trabalho semelhante ao de um jardineiro que corta todas as ervas daninhas para tratar seu jardim de rosas. Desta forma, a emiss√£o de carbono devido a √°rvores mortas tamb√©m foi evitada.
Al√©m disso, a constru√ß√£o n√£o √© feita com t√°buas cortadas e dobradas, como de costume, mas os troncos e galhos s√£o deixados para a estado bruto e enquadrado como eles s√£o, com todas as suas imperfei√ß√Ķes e dobras.
Na verdade, o arquiteto afirma que um tronco curvo √© capaz de suportar at√© 50% mais peso comparado com os machados cortados e dobrados, desde que s√£o fun√ß√Ķes que as √°rvores jogam na natureza. A tese tamb√©m √© apoiada por uma pesquisa do Departamento de Agricultura Americano.

interno

As casas de Gundersen têm troncos como estruturas de suporte de carga e vigas curvas que sustentam o telhado.
Não subestime o papel isolante de madeira: graças a este material e ao vidro duplo devidamente inclinado, a casa reduz ao mínimo o consumo de aquecimento no inverno e não requer ar condicionado no verão.
O resultado é o de um jardim de inverno com um design moderno pós.
A casa criada desta maneira pode n√£o ser esteticamente agrad√°vel, mas n√£o perde nada em funcionalidade.
Para concluir, podemos lembrar que a primeira casa construída por Gundersen, a Um quadro-, custou US $ 15.000 e 12 meses de trabalho: isso também significa sustentabilidade.
//wholetrees.com


arco. Carmen Granata



Vídeo: Design at the Intersection of Technology and Biology | Neri Oxman | TED Talks