Exposição da Arte de Restauração e Conservação do Patrimônio Cultural e Ambiental

A décima nona edição da Exposição de Arte de Restauração e Conservação do Patrimônio Cultural e Ambiental será realizada em Ferrara Fiere de 28 a 31 de março de 2019.

Exposição da Arte de Restauração e Conservação do Patrimônio Cultural e Ambiental

logo

A décima nona edição do SALÃO DA ARTE DE RESTAURAÇÃO E CONSERVAÇÃO DO PATRIMÓNIO CULTURAL E AMBIENTAL a ser realizada em Ferrara de 28 a 31 de março de 2012 nasceu com o propósito ambicioso, em um período de recessão econômica evidente em todos os setores da economia não excluindo o edifício, para dar uma forte impulsão propulsora a partir do reavaliação do património histórico, artístico e ambiental italiano, sem dúvida o nosso recurso mais peculiar.

O evento, criado em colaboração com o Instituto do Patrimônio Cultural e Artístico Natural da Região Emilia-Romagna, dará espaço para 250 expositores atuando nos campos da produção de materiais, novas tecnologias, na construção de equipamentos e serviços relacionados à restauração e conservação arquitetônica e artística.

Eles também estarão presentes assuntos privados e não privados como a Fundação Bancária, Universidades, Poderes Públicos, Arquivos, Bibliotecas, Galerias, Superintendências, Sistemas de Museus e Museus individuais que hoje têm considerável importância em promoção e financiamento de projetos para o aprimoramento de ativos ambientais e artísticos.

presentazione

O programa de conferências e seminários, 52 conferências internacionais e 105 reuniões com expositores e profissionais e seminários, permitirão uma visão ampla sobre as questões que envolvem o debate atual sobre a conservação do patrimônio artístico nacional.

Interessante como a atenção será focada durante os quatro dias do evento sobre as questões atuais de particular importância no contemporâneo como o economia de energia e o sustentabilidade ambiental de lugares de arte ou na manutenção de edifícios e casas históricas.

A partir desta edição, de fato, o evento promoverá um conceito de restauração não apenas como conservação, mas também e acima de tudo como um elemento melhorativo das condições e perspectivas de usabilidade e habitabilidade do património cultural.

Eles serão então apresentados materiais e tecnologias capaz de requalificar energeticamente e qualitativamente os espaços de vida e de trabalho, o que também pode aumentar não apenas o conforto e o uso da vida, mas também o valor estético.

Sempre ligado às questões atuais específicas do setor, o evento também cuidará dos lugares de cultura entendidos em um sentido global. A este respeito, eles serão examinados, com exposições e conferências, estudos de casos internacionais, provenientes da Índia, Brasil, Malta e dos países do norte da África. Bens culturais e ambientais que se tornaram destinos privilegiados de um turismo de excelência promovendo um novo conceito de arquitetura, arte e territorialidade.

O evento confirma mais uma vez este ano o amplo escopo que já havia promovido na edição anterior em que, ao receber delegações estrangeiras da Argélia, Arábia Saudita, Croácia, Egito, Israel, Marrocos, México, Peru, Turquia e Rússia, através de reuniões com empresas e operadores expositores, eles criaram importantes contatos entre a Itália e países estrangeiros. É interessante notar, de fato, como o número de visitantes na última edição, que totalizou cerca de 26.000, viu um aumento operadores estrangeiros principalmente dos países do Reino Unido, Croácia, Eslovênia e Bacia Mediterrânea.

150 anniversario

Sempre em nome da abertura e inovação, mesmo a nova website vai se tornar uma ferramenta para uma nova visão do setor, e é concebido como um portal real dedicado à restauração, destinado a ser uma plataforma aberta para a troca de informações com novas mídias, sites e portais de arquitetura, instituições, pedidos, as CNAs e as associações comerciais.
A intervenção do MiBAC, Ministério do Património Cultural e Actividades que contribui para o evento, apresentando no seu espaço expositivo as intervenções de conservação e restauro, realizadas durante o último ano em todo o território nacional por ocasião do Aniversário do 150 anos da unificação da Itália com o objetivo de fortalecer a tarefa institucional de coordenação nacional e internacional nas questões de restauração.

Especificamente, muita importância será dada através da preparação de uma exposição, uma grande conferência sobre o tema e vários momentos de debate para a divulgação do projeto interessante Lugares de memória realizado pela Unidade de Missão Técnica da Presidência do Conselho de Ministros em colaboração com os Institutos e Superintendências do Ministério que tem como objeto a extensa ação de classificação, restauração, valorização e narração de lugares, personagens, eventos do Risorgimento Italiano.

Para mais informações visite:

Exposição de restauração



Vídeo: Restauro da charola do Convento de Cristo - Tomar