Administrador do condomínio, direito à remuneração e limites

O administrador é o representante dos condomínios em relação à gestão e conservação das partes comuns do edifício.

Administrador do condomínio, direito à remuneração e limites

O administrador é o agente dos condomínios em relação à gestão e conservação das partes comuns do edifício.

Compenso

Em essência ele age em nome dos co-proprietários e os representa nas relações com terceiros e nas relações internas. nomeação é um ato que pertence à assembléia. A nomeação é validamente conferida se a resolução aprovada pela maioria dos participantes na reunião, que representam pelo menos metade do valor do edifício (art. 1136, segundo e quarto parágrafos, c.c.) Depois de ter assumido o cargo, ele terá que realizar toda uma série de atividades que são identificados pela lei, pelos regulamentos do condomínio e pelas decisões do condomínio.A maioria das doutrinas e jurisprudências concordam que a relação contratual que é estabelecido entre condomínio e administrador deve ser regulado pelas regras estabelecidas para o contrato de mandatoNeste contexto, é útil observar em conteúdo deart. 1709 c.c., que diz:Presume-se que o mandato é oneroso. A extensão da compensação, se não for estabelecida pelas partes, é determinada com base em honorários ou usos profissionais; na ausência, é determinado pelo juiz. Isto em relação ao contrato de mandato a nível geral e, mais especificamente, o condomínio a gente se pergunta: a) o administrador sempre tem direito de ser pago para o trabalho realizado? b) com base em quais parâmetros é estabelecida a medida de compensaçãoc) o que acontece se a assembléia, como reconhecido pela lei, decidir a revogação do compromisso antes do seu termo natural?pagarL 'art. 1135 c.c. especifica que oassembléia ordinária anual tem o poder de deliberar sobre a nomeação do administrador (confirmação, revogação e, claro, sobre a nomeação), bem como sobre sua possível remuneração.Para uma doutrina e jurisprudência, a norma supracitada interpretada à luz das regras gerais previstas para o mandato (ex. art. 1709 c.c.) também consagra oescritório do administrador do condomínio presunção de sobrecarga, o que significa que, salvo acordo em contrário, o administrador terá direito de ser pago pelo trabalho realizado.

Compenso

Determinação de compensação
Esclarecido que, em geral, os representantes dos condomínios têm direito a uma taxa, é útil tentar entender como isso deve ser determinado. verbo tentar não é casual, não deve ser esquecido, de fato, que a atividade de um administrador do condomínio não é regulamentada porque não há taxa de referência para outras profissões (por exemplo, médicos, arquitetos, etc.) A determinação da remuneração é, portanto, uma questão de livre negociação das partesVocê pode alcançar a quantificação do mesmo em três maneiras diferentes: A)oferta do diretor (c.d. preventiva para as competências) e aceitação da assembléia b)proposta da montagem e aceitação do administrador; c)acordo com propostas e contrapropostas seguidas de um ponto de encontro. seguindo a tarefa, se surgirem dúvidas sobre a quantificação exacta da taxa conteúdo da ata da reunião prevaleceria sobre a cotação enviada pelo administrador.Revogação antecipadaNo caso de revogação antecipada, se o mesmo não for suportado por uma causa justa, o administrador pode pedir uma indemnização pelo dano sofrido (Cass. SS.UU. 29 de outubro de 2004 n. 20957).



Vídeo: Quanto o perito judicial ganha de honorários?